Nívea Stelmann

0 Flares 0 Flares ×

Por Lalá Noleto

”Três vezes por semana faço musculação. Sempre que posso faço caminhadas na orla e quando sobra um tempinho faço aulas de alongamento. Com a vida corrida não consigo seguir uma dieta. Mas procuro comer saudavelmente durante a semana. Saladas e grelhados. No almoço, um carboidrato (arroz ou macarrão). Mas nunca à noite. Nos fins de semana me permito a tudo. No café da manhã como frutas, chá e pão integral ou torradas com ricota . Quando estou viajando sempre quebro tudo. Mas tento compensar na malhação e na drenagem linfática que não abro mão. Evito frituras e há anos não tomo refrigerantes. Não resisto ao chocolate. Sempre na minha bolsa tem barrinha de cereal e chocolate diet. Na hora da fome engano assim. Gosto muito de chá verde. Na minha geladeira não falta o chá gelado. Nos intervalos das refeições procuro comer uma fruta. E assim vou levando.”

Comentário da nutricionista Cinara Carvalho:

”Mesmo com o corre-corre dos dias atuais, a alimentação é uma preocupação na rotina das pessoas, por isso assim como Nívea, devemos comer saudavelmente alimentos que contêm todos os nutrientes necessários para a manutenção do organismo: proteínas, lipídeos, carboidratos, vitaminas, minerais, água e fibras, buscando sempre o equilíbrio, uma vez que o corre-corre interligado com uma má alimentação e falta de atividade física, levam ao aumento exagerado do peso e ao surgimento de doenças crônicas, como as cardiovasculares, diabetes e hipertensão arterial. Fugir a regra de vez em quando, se permitindo a algumas delícias, assim como o chocolate, não trará ao organismo tantos prejuízos, porém é sempre bom ter cuidado com os excessos, pois o açúcar estimula a produção de insulina que participa diretamente na formação da gordura corporal. Nívea evita as frituras que trazem calorias extras, além de conter gorduras de má qualidade, e refrigerantes, que contém as famosas calorias vazias. O chá-verde é uma ótima bebida, rica em antioxidantes, porém deve-se ter cuidado com a quantidade ingerida no decorrer do dia. Comer uma fruta nos intervalos das refeições pode evitar que se chegue à próxima refeição com muita fome’’.

Cinara da Silva Carvalho | CRN1-3473 | Nutricionista
Leia mais: Revista Contigo.
0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Email 0 0 Flares ×

Postagens Relacionadas